Este site utiliza o plugin Flash Player 8, clique aqui para instalar.
PRESS
Cavaco Silva apela a diálogo entre ministro e agricultores

Na abertura da Ovibeja, o Presidente da República afirmou que os agricultores merecem "carinho e atenção especial" depois de um "ano muito difícil".




Na abertura da feira Ovibeja 2006, o Presidente da República, aproveitou para apelar ao diálogo entre agricultores e Governo, numa atitude imparcial. Cavaco Silva referiu ainda que foi um ano de seca, por isso, "temos que ter um certo carinho e uma atenção especial pelos agricultores".

A pacificação no sector parece, no entanto, um objectivo difícil. O presidente da Confederação dos Agricultores, João Machado, referiu, no mesmo certame, que o ministro da Agricultura "está de costas voltadas para todo um sector", referindo mesmo que o "problema não é a política do Governo, é a política de um ministro de tal forma autista que nem sequer fala com os seus secretários de Estado", "as coisas estão a seguir um rumo tal que é a democracia que está em risco".

Cavaco Silva aproveitou a feira para contactar com os alentejanos, alguns dos quais personalidades conhecidas, e para ouvir opiniões nos stands sobre a situação económica do país, tendo recolhido declarações optimistas.

O Presidente da República referiu que a sua passagem por Beja era já um sinal do seu empenho no combate à exclusão social e que veio na sequência do seu discurso do dia 25 de Abril, em que falou de um país a duas velocidades.

in Público 30/04/2006